domingo, 13 de novembro de 2011

Sobre a oração

Já sentiu aquele desejo profundo de falar algo para Deus e não conseguir falar nada? Como se o Transcendente transpassasse seu coração e sua alma e nada restasse além do desejo de estar com Ele. Um amor que é só Dele.

Fatigado do exterior, cansado de toda a correria, das palavras de fora, almeja-se as palavras de dentro. Aquelas que fluem da intimidade do Ser.

Orar não consiste em ouvir-se a falar; orar consiste em ficar em silêncio, estar e esperar em silêncio, até ouvir Deus.

(Soren Kierkegaard)

Quando não se consegue falar, quando tudo o que se tem é um desejo não expresso em palavras…

Tentarei ser mais clara, às vezes as nossas palavras são confusas, pouco claras e reduzem tudo o que sentimos e desejamos ao estrito espaço das letras e ficamos frustrados, ouvindo-nos a nós mesmos. O convite a ser feito é a entrega de tudo, rendição total, especialmente das palavras.

Não fique irritado se não conseguir falar. Ele conhece além das suas palavras. Ele lê os anseios da sua alma. Ele lê seus pensamentos e sentimentos. Te perscruta por completo.

Intimamente, perfeitamente, sem a interferência de um “pré-conceito” a seu respeito. Aliás, Ele te respeita. Respeita sua liberdade de falar e de silenciar. Seu desejo é ter intimidade com você, Ele fala com você na intimidade do seu silêncio. Que é profundo e forte, sereno e singelo, contraditório e fantástico.

De repente, compreendi o silêncio como uma presença. No coração deste silêncio estava Ele, que é todo silêncio, paz e abandono

(Georges Bernanos)

Curioso como temos a mania de reduzir Deus ao que é próprio do homem, achamos que Ele cabe dentro de nossas concepções, de nossas certezas, que sente o que nós sentimos. Ele que é todo amor não sente como nós. Não tem falhas no caráter. Não é o que pensamos que seja. Ele é maravilhosamente perfeito e amoroso.

Em minha opinião, a oração mental não é mais do que um tratar de amizade, estando muitas vezes a só com Quem sabemos que nos ama.

(Santa Teresa de Ávila)

Delicado, respeitoso, amante, arrebatador. Que te engolfa apenas com o olhar. Quando você o atrai e se deixa atrair é impossível sair de Sua presença da mesma forma. E o que você é passa a ganhar a forma Dele. Seu rosto passa a se parecer com o Dele. E Cristo começa a se formar no seu coração, alma, caráter, vida! Por completo.

Para mim, a oração é uma elevação do coração, um singelo olhar para o Céu, um clamor de gratidão, o amor no meio da provação e da alegria.

(Santa Teresa de Lisieux)

fly

Nenhum comentário: